A Guarda do Sábado

 

 

Isa. 56:2 Deus promete uma benção especial àqueles que guardam o sábado.

Deut. 28:1, 2 e 15 Deus promete uma benção àqueles que são obedientes aos Seus mandamentos.

Êxo. 20:8-11 O sábado é um dia “significado”, colocado à parte de todos os outros dias.

Lev. 23:3 O sábado é chamado “santa convocação” ou assembléia do povo de Deus. É um dia especial designado como dia de adoração.

Luc. 4:16 Jesus adorava no dia de sábado, como Paulo fazia (Atos 18:4)

Lev. 23:32 O sábado começa ao pôr-do-sol de sexta-feira e termina no ocaso de sábado (Mar. 1:32)

Êxo. 20:8-10 O sábado não é um dia para trabalhos seculares.

Isa. 58:13, 14 O sábado é um dia em que as pessoas devem se deleitar no Senhor. Não é um dia para o nosso próprio deleite. Coisas como: desportos, jogos seculares ou divertimentos não estão em harmonia com a santidade do sábado.

Neem. 13: 15-22 O sábado pode ser desonrado quando compramos, vendemos, ou efetuamos outras atividades comuns e triviais.

Mat. 12:11-13 Jesus ilustrou na Sua vida a alegria de praticar o bem no dia de sábado.

Mar. 2:23-28 Jesus proveu as necessidades físicas dos Seus discípulos no sábado. O sábado é uma ilustração do Deus que supre as nossas necessidades.

Êxo 16:28-30 Quando alguns israelitas trabalharam no sábado, tentando colher e preparar o maná, não o tendo feito no dia da preparação, (sexta-feira) Deus abertamente os repreendeu.

Mat. 11:28-30 O convite divino é dirigido no sentido de irmos a Jesus para n’Ele encontrarmos descanso. Cada sábado nos proporciona uma oportunidade para renovar o nosso compromissos com o Senhor.

 

 

 

(447)

Comments

comments

Powered by Facebook Comments